Nasceu Campeão

Faça Login
 

Memória Tricolor: 30/07/1978 – JEC 0x0 Avaí

Postado por Tiago Gabriel (Badoug) - 22/07/2014
Linha (ex-JEC) e Carlos Aberto no amistoso que ficou no 0x0

Linha (ex-JEC) e Carlos Aberto no amistoso que ficou no 0x0

Em 30/07/1978, o Joinville Esporte Clube enfrentou a equipe do Avaí em uma partida amistosa, disputada no estádio Ernesto Schlemm Sobrinho, o Ernestão.

O amistoso marcou a estreia de Balduíno no JEC, jogador que foi negociado com o Avaí em troca de Linha e Sávio.

E o Joinville ficou no zero a zero contra o Avaí.

O JEC atuou com: Danilo; João Carlos, Paulinho Teta, Jorge Carraro e Celso (Carlos Alberto); Jorge Luís Carneiro, Balduíno e Fontan; Britinho, Néia e Sidnei. Técnico: Marinho Rodrigues.

Leia mais

 
 

Memória Tricolor: 14/08/1977 – JEC 0x0 Avaí

Postado por Tiago Gabriel (Badoug) - 03/02/2014
Catarinense 1977: JEC 0x0 Avaí.

Catarinense 1977: JEC 0x0 Avaí.

Em 14/08/1977, o Joinville Esporte Clube enfrentou o Avaí em partida válida pela terceira fase do Campeonato Catarinense daquele ano.

A partida foi disputada no estádio Olímpico, do América de Joinville.

O Tricolor dominou o jogo, mas ficou no empate em zero a zero com o Avaí.

Apesar do empate em casa, o JEC continuava na liderança isolada de seu grupo.

O JEC atuou com: Raul Bosse; João Carlos, Pompeu, Ditão e Celso; Piava, Paulo Garça e Osni Fontan; Cremílson, Rinaldo (Tonho) e Lucas (linha). Técnico: Velha (Maurílio José de Souza).

Leia mais

 
 

Memória Tricolor: 23/02/1978 – JEC 4×2 Avaí

Postado por Tiago Gabriel (Badoug) - 18/09/2013

No início da temporada de 1978, o Joinville Esporte Clube enfrentou o Avaí em um jogo amistoso. A partida foi disputada no estádio Ernestão, em 23/02/1978.

Amistoso em 1978 – JEC 4×2 Avaí

E com dois gols de Fontan, um de Néia e outro de Lico, o Tricolor venceu o clube da capital por 4 a 2.

Esse jogo marcou as estreias de Danilo e Néia no tricolor, ambos recém-contratados junto ao próprio Avaí.

O JEC atuou com: Raul Bosse (Danilo); Joel Mendes, Pompeu, Paulinho Teta e João Carlos (Toninho); Jorge Luis Carneiro, Zé Carlos (Linha) e Fontan (Rinaldo); Britinho, Néia e Lico. Técnico: Paulo Sérgio Poletto.

Leia mais

 
 

Memória Tricolor: 10/07/1977 – Avaí 1×1 JEC

Postado por Tiago Gabriel (Badoug) - 05/06/2013

JEC empata na capital e mantém invencibilidade há 20 jogos

Na terceira fase do Campeonato Catarinense de 1977, o Joinville Esporte Clube foi a Florianópolis enfrentar a equipe do Avaí.

A partida foi disputada em 10/07/1977, no Adolfo Konder (antigo estádio doado pelo governo do estado ao clube da capital).

E o Tricolor, que defendia a liderança na competição, empatou a partida em 1 a 1 e completou o seu vigésimo jogo de invencibilidade.

O gol do Joinville foi anotado contra pelo jogador avaiano Orivaldo, após desviar a conclusão de Fontan.

O JEC atuou com: Raul Bosse; Joel Mendes, Ditão, Queiroz e Celso; Piava, Paulo Garça (Veiga) e Fontan; Cremílson, Lula e Luís Antônio. Técnico: Velha (Maurílio José de Souza).

Leia mais

 
 

Na primeira fase do Campeonato Brasileiro de 1977, o Joinville Esporte Clube enfrentou o Avaí no estádio Ernestão lotado. Esse foi o segundo jogo no Ernestão após a ampliação com as arquibancadas metálicas, no primeiro, o JEC havia empatado com o Grêmio/RS em 1 a 1 na estreia no Nacional.

JEC 1×0 Avaí. A primeira vitória Tricolor em campeonatos brasileiros.

E com um gol contra do jogador avaiano Toninho, o Tricolor venceu o Avaí por 1 a 0, em 06/11/1977. Essa foi a primeira vitória do Joinville em campeonatos brasileiros.

Entre os jogadores do Avaí, estavam Lico, Balduíno e Néia, que no ano seguinte seriam contratados pelo JEC.

O Joinville derrotou o Avaí com: Raul Bosse; Joel Mendes, Ditão, Gilson e Raul Giostozzi (Celso); Jorge Luiz Carneiro, Osni Fontan e Edu Antunes; Cremilson, Taquito e Dirceu. Técnico: Paulo Sergio Poletto.

Leia mais

 
 

Memória Tricolor: 28/07/1976 – Avaí 0x0 JEC

Postado por Tiago Gabriel (Badoug) - 04/02/2013

No Campeonato Catarinense de 1976, o Joinville Esporte Clube foi a Florianópolis duas vezes para enfrentar o Avaí. No primeiro confronto na capital o JEC venceu por 2 a 0 (20/06/1976: Avaí 0×2 JEC).

Estadual 1976: Tricolor não perdeu na capital

O segundo confronto em Florianópolis contra o Avaí, também disputado no estádio Orlando Scarpelli ocorreu em 28/07/1976, mas dessa vez válido pelo quadrangular semi-final.

E o JEC conquistou outro importante resultado ao empatar em 0 a 0, placar que manteve o Tricolor na liderança do quadrangular que classificava para a final da competição.

O JEC atuou com: Raul Bosse; Joel Mendes, Pompeu, Ditão e Celso; Piava, Osni Fontan e Linha; Ferreira, Rinaldo e Veiga. Técnico: Alcino Simas. Leia mais

 
 

No dia 11/08/1976, o Joinville Esporte Clube enfrentou o Avaí no estádio Olímpico (campo do América de Joinville), em jogo válido pela penúltima rodada da fase semi-final do estadual daquele ano. Era uma partida decisiva que definiria a liderança no grupo formado por: JEC, Avai, Marcílio Dias e Internacional de Lages.

Campeonato Catarinense 1976: JEC 1×0 Avaí

Todos se enfrentavam em turno e returno dentro do grupo e o primeiro colocado garantia vaga na grande decisão do campeonato, contra o primeiro colocado do outro grupo, formado por: Figueirense, Juventus (de Rio do Sul), Palmeiras (de Blumenau) e Carlos Renaux (de Brusque).

JEC, Avai e Marcílio Dias dividiam a liderança do grupo com 5 pontos cada, enquanto que o Inter estava na última posição com apenas um ponto.

E nessa rodada Tricolor venceu o Avaí por 1×0 com gol de Linha, enquanto que o Marcílio ficou no 0x0 com o Inter. Assim, bastaria apenas um empate contra o Marcílio na última rodada para o se JEC classificar para a decisão do estadual. Mas, o Tricolor também venceria o marinheiro por 1×0, selando de vez sua vaga na final para a conquista de seu primeiro título.

Contra o avaí o JEC atuou com: Raul Bosse, Joel Mendes, Pompeu, Ditão e Celso; Piava, Fontan e Veiga; Ratinho (Ferreira), Rinaldo e Linha. Técnico: Alcino Simas. Leia mais

 
 

Em 20/06/1976, o Joinville Esporte Clube enfrentou o Avaí pela 9ª rodada do returno do Campeonato Catarinense daquele ano. O jogo foi disputado no Estádio Orlando Scarpelli, pois o Adolfo Konder (o então estádio ao Avaí, doado pelo governo do estado) passava por reformas e estava sem condições de receber jogos.

O primeiro confronto na capital: Avaí 0x2 JEC

Era o segundo confronto na história entre as duas equipes, mas era a primeira vez que se enfrentavam em Florianópois. O Avaí estava na liderança do grupo A com 31 pontos enquanto que o JEC vinha logo em seguida, com um ponto a menos.

E jogando fora de casa, o JEC conquistou uma importante vitória por 2×0. Linha e Rinaldo marcaram para o Tricolor.

O resultado da partida foi muito festejado pela torcida tricolor tendo até passeata pela cidade e recepção calorosa aos jogadores, pois a vitória, além de retomar a liderança do grupo também garantia a classificação antecipada do JEC para a fase seguinte do estadual.

O JEC atuou com: Raul Bosse, Paulinho Teta, Pompeu, Ditão e Celso; Piava, Osni Fontan e Zequinha; Ferreira (Chico Samara), Linha e Rinaldo. Técnico: Alcino Simas.
Leia mais

 
 

O primeiro confronto da história entre Joinville Esporte Clube e Avaí ocorreu no estádio Olímpico (do América de Joinville), no dia 02/05/1976, em jogo válido pela nona rodada do turno da primeira fase do Campeonato Catarinense daquele ano.

Joel Mendes e Paulinho Teta (4) disputam a jogada com avaiano – JEC 1×1 Avaí

O JEC era líder do Grupo A, com 6 vitórias logo nos seis primeiros jogos disputados na competição (a maior arrancada de todas as edições do Campeonto Catarinense) e na sequência, uma derrota sofrida (0x1) contra o Palmeiras em Blumenau e um empate contra o Carlos Renaux na cidade de Brusque.

Enquanto que o Avaí vinha logo atrás na classificação, com 4 vitórias, 2 empates e 2 derrotas.

E nesse confronto, o JEC saiu na frente no marcador, com um gol do eterno craque Osni Fontan. Na sequência, o Avaí empatou a partida. E o jogo terminou mesmo no 1×1.

Apesar do empate em casa, o JEC se manteve na liderança e ainda venceria o Avaí em outras duas oportunidades ao longo do estadual de 1976, ano em que o JEC sagrou-se campeão.

O JEC atuou com: Raul Bosse; Joel Mendes, Alberto, Paulinho Teta e Nelinho; Piava, Chico Samara (Ferreira) e Osni Fontan; Ratinho, Tonho e Ademir Feijão (Zequinha). Técnico: Alcino Simas.

Leia mais